quarta-feira, 4 de março de 2009

Por que não aportuguesar os nomes dos países e regiões?

Por que devemos escrever Sri Lanka, se podemos usar Ceilão? Ou até mesmo Ceylão, já que o Y voltou.
Por que devemos escrever Bangladesh, se podemos escrever Bengala, ou pelo menos, República Bengalesa (ou Bengali)? Fora o fato de termos de ler e escrever Mumbai no lugar da versão mais antiga e conhecida, que é Bombaim.
Por que em alguns livros lemos Moldova, se a forma mais conhecida é Moldávia?
E por aí vai...